FRENTE BRASIL POPULAR > Imprensa > Destaques > Atos contra a reforma da previdência acontecerão em todo o Brasil no próximo dia 15

Atos contra a reforma da previdência acontecerão em todo o Brasil no próximo dia 15

Atos acontecerão em todo Brasil no próximo dia 15

As atividades contra a reforma da previdência proposta pelo presidente Michel Temer estão mobilizando de milhares de pessoas em todo o Brasil. O tema foi o eixo principal das mobilizações do 8 de março, Dia Internacional da Mulher, e é o mote do dia de mobilização e paralisações que acontecerá no próximo dia 15 de março em todas as capitais e diversas cidades.

É o primeiro ato do ano realizado em conjunto pela Frente Brasil Popular, Frente Povo Sem Medo e o fórum das centrais sindicais. Diversos sindicatos também realizarão assembleias e atos nas categorias, sendo que a maior mobilização prevista será a dos professores e trabalhadores da educação que, segundo a CNTE, deve contar com a participação de milhões de trabalhadores em todo o Brasil.

Não é reforma. É o fim da aposentadoria

A proposta de reforma da previdência foi enviada pelo presidente Michel Temer em dezembro do ano passado, no apagar das luzes do período legislativo.  O governo alega que há um rombo na previdência fiscal, o que já foi desmentido pelo DIEESE e também e especialistas em auditoria, como a Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil

Enquanto o governo justifica a reforma com o déficit, aplica desonerações fiscais às empresas, não combate efetivamente sonegação fiscal e perdoa a dívida de centenas de empresas que devem três vezes o valor do déficit ao INSS.

Se essa reforma for aprovada, na prática, significará o fim da aposentadoria, que muda a idade mínima para 65 anos tanto para homens quanto para as mulheres e aumento o tempo de contribuição de 15 para 25 anos. Isso porque a expectativa de vida nas periferias e em muitas cidades é de 58 anos. Temer quer que o brasileiro morra trabalhando e diga adeus à mínima dignidade que foi conquistada e é garantida aos mais velhos na Declaração de Direitos Humanos.

As manifestações também serão pelo Fora, temer! Nenhum Direito a menos e Diretas,Já!

 

Lista de atos

 

ESTADO

CIDADE

 

LOCAL

AC

Rio Branco

   

AL

Maceio

10h

Praça dos Martírios

Arapiraca

9h

Praça Luiz Pereira Lima

AM

Manaus

16h

Praça do Congresso

AP

Paralisações descentralizadas

   

BA

Salvador

15h

Campo Grande

CE

Fortaleza

8h

Praça da Bandeira

DF

Brasília

8h

Catedral

ES

Vitoria

7h

Pracinha das goiabeiras

GO

Goiania

9h

Centro da Cidade

MA

Sao Luis

   

MT

Cuiabá

16h

Praça do Ipiranga

MS

Paralisações descentralizadas

   

MG

Belo Horizonte

10h

Praça da Estaçäo

Uberlandia

16h

Praça Ismene Mendes ( antiga Tubal Vilela)

Governador Valadares

16h

Praça dos Pioneiros

Teofilo Otoni

9h

Camara Municipal

PA

Belem

9h

Praça da República

PB

Joao Pessoa

14h

Ministério da previdência, próximo a lagoa

PR

Curitiba

10h

praça Tiradentes

PE

Recife

9h

Praça Oswaldo Cruz

PI

Paralisações descentralizadas

   

RJ

Rio de Janeiro

16h

Candelária

RN

Natal

14h

Praça Gentil Ferreira

RS

Porto Alegre

18h

Esquina Democrática

RO

Porto Velho

9h

Praça Estrada de ferro madeira Mamoré

RR

Boa Vista

8h

Assembleia Legislativa

SC

Florianopolis

16h

Praça Miramar

SP

São Paulo

16h

MASP

Piracicaba

9h

Poupatempo

São José do Rio Preto

15h

Terminal Central

Ribeirão Preto

17h

Terminal Dom Pedro II

Sorocaba

7h

Praça Coronel Fernando Prestes

Americana

16h

Praça Comendador Muller

SE

Aracaju

14h

Praça General Valadäo

TO

Palmas

8h30

Colégio Säo Francisco